quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Princípio da identidade


https://lh5.googleusercontent.com/-pheotuPOW9o/TW6sL3sbJrI/AAAAAAAAAJs/SCeMGYbEeMI/s1600/alice-with-caterpillar-2.jpg

- Quem és tu?
Não se pode dizer que fosse um princípio de conversa encorajador. Alice respondeu timidamente: 
-Neste momento, nem sei bem, minha senhora... Esta manhã, quando me levantei, sabia quem era, mas já mudei tantas vezes desde então.

-O que queres dizer com isso? - perguntou a Lagarta com rispidez. -  Explica-te!
Receio não poder explicar-me melhor, minha senhora, porque eu não sou eu, percebe? – disse Alice.
- Não estou a perceber – respondeu a Lagarta.
- Lamento não conseguir explicar-me melhor – disse Alice com muita delicadeza – mas, para começar, nem eu própria compreendo. E ser de vários tamanhos no mesmo dia é muito confuso.
- Não acho – respondeu a Lagarta.
- Bem, Talvez não tenha dado por isso – disse Alice – mas quando se transformar numa crisálida, o que irá acontecer num dia destes, e depois numa borboleta, creio que se sentirá um pouco esquisita, não acha?
- Não, não acho – respondeu a Lagarta.
- Bem, talvez os seus sentimentos sejam diferentes. O que eu sei dizer-lhe é que eu me sinto esquisita – disse Alice.

- Tu? – exclamou a Lagarta com desprezo – mas quem és tu?

                                                                           Lewis Carroll, Alice no País das Maravilhas



2 comentários:

  1. Fantástico tema para iniciar as aulas. Materiais excelentes.A organização do blog também muito boa.
    Este =trabalho= merece publicação.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...